Como dar mais relevância para a sua marca?


Apareça. Essa é a palavra de ordem na era da informação. Num mundo marcado pela alucinante produção de conteúdo, quem não marcar seu território nessa área, certamente ficará para trás. Contudo, a busca por relevância pode ser muito mais complexa do que parece. Engana-se quem pensa que criar um blog e manter perfis ativos nas mídias sociais seja suficiente.

Essas ações de comunicação são muito importantes, é claro. Mas, possuem apenas uma pequena parcela na busca por relevância. Antes de qualquer coisa é preciso buscar diferenciais para sua marca. Inovar é fundamental para se manter na vanguarda do seu segmento. Você precisa fazer algo diferente dos seus concorrentes.

E, por falar neles, é bom ficar atento a cada passo que eles dão. Monitorar as empresas que buscam os mesmos clientes que você é fundamental. Veja o que eles têm de bom, o que precisam melhorar, e mantenha-se à frente. Aprenda com os erros e com os acertos deles.

Outra atividade essencial na busca por relevância é buscar as entidades do seu setor. Fazer parte de associações que representam o seu segmento pode lhe garantir alguns diferenciais frente ao consumidor. Exerça liderança e representatividade para que sua empresa seja reconhecida como tal. E marque presença. Lembre-se que quem não é visto, não é lembrado. Acima de tudo, crie relacionamentos. Estabeleça vínculos com marcas e pessoas importantes. Faça isso tanto de forma presencial quanto online. No dia a dia, não é possível encontrar um grande número de pessoas importantes para você, então, compense essa ausência mandando um e-mail, uma mensagem no dia do aniversário ou um simples WhatsApp para perguntar como o outro está. Alimentar a sua rede de contatos é um dever diário.

Compartilhe conteúdos do interesse dos seus contatos. É uma boa maneira para manter-se presente. Produza conteúdos próprios também, posicionando sua marca como uma autoridade em determinado assunto. Isso ajuda na criação de vínculos com o cliente.

Crie processos de comunicação adequados a cada perfil de público. Um dos maiores erros é achar que qualquer informação é consumida por qualquer tipo de pessoa. Na prática, não é bem assim que as coisas funcionam. Estabeleça os perfil que sua marca precisa interagir e, só então, crie estratégias para se comunicar. Considere se comunicar também com a imprensa. Quando a sua empresa faz algo extraordinário, revistas, jornais, sites e até rádios e TVs costumam se interessar e dar espaço para as inovações. Além de ser absolutamente de graça, esses canais conseguem amplificar suas informações de forma muito mais abrangente do que por meio de conteúdos próprios.

 

Por Marília Cardoso
Previous Novo Vilão: Preço do queijo sobe 30%
Next Emulzint lança receituário para as padarias produzirem delícias nas Festas Juninas e Julinas

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *